Jean Gomes, chorando, disse que não teve privilégio de ser ajudado por prefeitos e sim “por gente do povo”, citando Campo Alegre de Lourdes, onde teve 1.025

Jean GomesA Sessão desta terça-feira, 7, na Câmara de Vereadores de Juazeiro, a primeira realizada depois das eleições, foi marcada pela emoção dos dois vereadores que disputaram vagas como deputados estaduais. Sem Ordem do Dia, em razão da solenidade de entrega dos títulos de cidadão, os vereadores Crisóstomo Lima, o Zó do PC d B e Jean Gomes (PT), ocuparam a tribuna para comentar o resultado do pleito em que postularam vagas como deputados estaduais.

Câmara JuazeiroO vereador Jean Gomes, que não conseguiu eleger-se, também se emocionou. Agradeceu “pela oportunidade de estar sendo apreciado pela sociedade juazeirense e pela sociedade baiana. Há exatos um ano e seis meses tive o privilégio de ser escolhido para representar e ajudar meu partido sendo candidato a deputado estadual… Consegui, junto com meus amigos, com meus companheiros de partido, nada mais que 10.860 votos e isso é a força do povo credenciando quem realmente quer trabalhar pela cidade…”.

Chorando, disse que não teve privilégio de ser ajudado por prefeitos e vereadores e sim “por gente do povo”, citando Campo Alegre de Lourdes, onde teve 1.025 votos conseguidos por “pessoa que nunca pediu voto na vida…”

Fonte: Blog do Geraldo José

3 thoughts on “Jean Gomes, chorando, disse que não teve privilégio de ser ajudado por prefeitos e sim “por gente do povo”, citando Campo Alegre de Lourdes, onde teve 1.025

  1. jean gomes um cidadão do bem,pois estamos com voce jean gomes tambem pois voce merece nosso apoio e senpre vai ter nosso apoio.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.