Na Bahia| Após matar animais domésticos homem queria matar esposa por ela ter votado em Dilma

passarinhoNa tarde deste domingo, 26/10, foi apresentado ao delegado plantonista Dr Cleber Azevedo a pessoa de Edvaldo Santos Moreira, 39 anos, acusado de ter matado um cachorro, um gato e dois passarinhos no Assentamento Alagoinha em Lages do Batata.

Segundo informações, Edvaldo não queria que a sua mulher fosse votar em Dilma e a ameaçou de morte, caso a mesma viajasse para votar em Jacobina-BAHIA.
Ainda de acordo com informações, Edvaldo havia batido na esposa antes dela sair para ir votar, dizendo que nunca seria preso, pois faz hemodiálise a cada dois dias e a Polícia não iria querer ter tanto trabalho de leva-lo para a clínica.
A mulher decidida viajou para votar e ao retornar encontrou seu filho que lhe avisou que não entrasse em casa, pois seu pai planejava mata-la e, já havia matado o cachorro, o gato e dois passarinhos, além de ter quebrado a TV.
A mulher então retornou para Jacobina, onde esteve na Polícia Civil e comunicou o fato. Policiais civis se dirigiram para Lages, ao chegar, no Assentamento Alagoinha, confirmaram as informações, conduzindo Edvaldo com uma espingarda bate bucha municiada.
Edvaldo foi autuado em flagrante sendo apresentado e enquadrado pelo delegado plantonista Dr Cleber por crime ambiental, lei Maria da Penha e porte ilegal de arma, ficando preso a disposição da justiça.
Fonte: F7 Notícias
Acácio (460 x 322)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.