Presidente da Câmara Municipal de Campo A. de Lourdes, Valfrides, responde as denúncias feitas por vereadores

a (1)Na sessão do dia 29 de maio de 2015 na Câmara Municipal de Vereadores de Campo Alegre de Lourdes, o presidente da Casa, o vereador Valfrides Martins Mendes, responde às acusações dos vereadores Joaquim Dilson, Nitinha e Zé Galego. Segundo o vereador, não existe nenhuma irregularidade nas contratações feitas naquela casa, visto que todos os trâmites seguiram as determinações da Lei nº 8.666/ (Lei de Licitações). Questionado pelo vereador Joaquim Dilson sobre a presença de força policial, o presidente Valfrides Martins Mendes, respondeu: “que não a tinha requisitado e que a Câmara é a casa do povo, e que mesmo ao tratar-se de policiais não poderia impedir o ingresso naquela casa, sobretudo, quando estão exercendo as suas funções, afinal de contas este é um local público.” Na sessão foi arquivado o pedido de CPI formulado, tendo em vista que a vereadora Ilma Almeida Dias pediu a retirada de seu nome no requerimento. Segundo a vereadora: “fazendo uma análise mais aprofundada das denúncias, inclusive com as publicações no diário oficial do município, não pude ventilar nenhuma irregularidade, e que não iria correr o risco de cometer uma injustiça contra o colega, maculando sua imagem”.

O vereador Valfrides, afirmou em seu pronunciamento que: “Não tenho o que esconder, todas as documentações estão à disposição de todos na Câmara, e não me oponho em fornecê-la a qualquer vereador interessado, e que todos os atos dessa casa são publicados no diário oficial, podendo ser consultado por qualquer um do povo.

a (3)Ainda na sessão, ouve a explanação da Secretária Municipal de Educação, Valdineide Boson, sobre o Plano Municipal de Educação do Município, que ainda aproveitou a oportunidade para responder as afirmações do vereador Maruzinho dos Passos, de que os alunos estavam sendo transportados em carros abertos. A secretária informou: “que tem conhecimento de apenas três carros abertos, sendo que todos os carros são adaptados ao transporte, e que o motivo se dá pela dificuldade de tráfego dos ônibus escolares em algumas estradas”.

a (2)O Procurador Geral do Município, Dr. José Dias de Macêdo Júnior, também se pronunciou sobre as declarações feitas pelo vereador José Palmeira, sobre a situação de estradas vicinais e recolhimento de lixos no interior do município. Segundo o Procurador: “temos conhecimento dos problemas nas estradas vicinais e que isso é uma decorrência do tamanho de nosso território, mas a prefeita, vem constantemente buscando solucionar os problemas, pois as máquinas estão trabalhando sem parar no interior. Quanto ao problema do recolhimento do lixo, Dias disse que: “está havendo o recolhimento do lixo em várias localidades do interior, como Peixe, Tapagem, Angico de Remanso, Angico dos Dias, Jiquitaia, e trata-se de um fato inédito em nossa cidade, proporcionado pela administração do governo de mãos dadas com o povo”.

   a (4)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.