Read Time:1 Minute, 6 Second
Após o revés que culminou com a candidatura à reeleição do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo (PSL), as provocações ultrapassaram a barreira do legislativo estadual e chegaram aos polos políticos baianos: o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) e o governador Rui Costa (PT). “O governador Rui Costa vê a realidade de acordo com as conveniências do momento. Essa distorção faz com que ele agora ande a comemorar até derrotas políticas”, ironizou ACM Neto nesta quarta-feira (1º) após o governador parabenizar a virtual eleição de Ângelo Coronel (PSD), candidato único à direção da AL-BA (veja aqui). “Perto da derrota acachapante, Rui Costa agiu como um torcedor que vendo o seu time ser rebaixado trocou de camisa para evitar o vexame. Ficou feio”, provocou o prefeito. “Rui Costa tentou salvar-se de uma derrota mais humilhante fazendo com o que o seu candidato desistisse do bate-chapa em plenário, mas a manobra bizarra não resistiu a luz do sol”, completou o prefeito, que avalizou o acordo para que a bancada de oposição apoiasse Coronel antes da desistência de Nilo. “Talvez fosse o caso de o governador ouvir um maior número de conselheiros. Isso evitaria a longa caminhada entre o CAB e o Campo Grande aonde fica a histórica estátua do Caboclo”, finalizou.
BN
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Previous post Eleição na AL-BA derruba mitos e cria marco para articulação política estadual
Next post TCE-PI notifica Carmelita Castro por supostas irregularidades