Read Time:34 Second

O Ministério Público do Estado do Piauí ajuizou, no dia 29 de março, ação civil pública contra o prefeito de Caracol, Gilson Dias de Macedo Filho, a empresa Assiscon Construção Ltda – ME e o empresário Joel de Assis Silva por desvio de dinheiro público.

Segundo denúncia, foi instaurado inquérito civil com o intuito de apurar supostas irregularidades e atos de improbidade administrativa relativos ao procedimento licitatório de prestação de serviços na execução de limpeza pública em Povoados e na sede do Município de Caracol.

O Ministério Público pediu que o prefeito seja condenado a pagar multa de R$ 2,2 milhões e tenha os direitos políticos suspensos

Fonte: Vanessa Gommes/Portal GP1

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Previous post Jovem supostamente comete suicídio por enforcamento em Remanso
Next post SASOP emite NOTA de pesar pelo falecimento do Jovem Darllan