Juiz autoriza exumação do corpo de jovem de Remanso morta no hospital Dom Malan em Petrolina

Juiz autoriza exumação do corpo de jovem de Remanso morta no hospital Dom Malan em Petrolina

18 de julho de 2018 0 Por Por Lucas Nunes

O vereador Ronaldo Cancão Silva, informou que que será realizada a exumação dos restos mortais de Milian Carvalho da Silva, 15 anos que faleceu este ano no Hospital Dom Malan em Petrolina e de Gislaine Lopes, que faleceu com 21 anos de idade e era natural da cidade de Remanso, Bahia. “O delegado também solicitou ao juiz a exumação do corpo da jovem que faleceu no mês outubro de 2017 no hospital”, disse Ronaldo. A autorização para a exumação é do juiz Gabriel Augusto de Castro Pinto. Segundo a polícia, ainda não há uma data prevista para a exumação dos corpos das jovens. A data será decidida após a conclusão de trâmites judiciais.

Na época o Hospital Dom Malan (HDM)/Imip de Petrolina informou que a paciente Miliam Carvalho da Silva veio a óbito na manhã des quarta-feira (02 de maio), tendo como causa declarada: Edema Agudo de Pulmão/Choque Séptico/Corioamnionite/Ruptura Prematura de Membranas. Sendo a SEPSE (conjunto de manifestações graves em todo o organismo produzidas por uma infecção) a maior causa de mortalidade materna no público adolescente.

Segundo a nota do Hospital Dom Malan, “a paciente deu entrada na unidade dia (29.04) sem nenhuma informação acerca da gravidez, pois não havia iniciado o pré-natal. No serviço, ela realizou exames e teve todo o acompanhamento médico necessário desde o primeiro momento. A paciente, inclusive, fez uso de medicação para o amadurecimento do pulmão do bebê e antibioticoterapia de amplo espectro”.

A Comissão Especial de Inquérito – CEI, da Câmara Municipal de Petrolina foi constituida para apurar fatos relacionados a mortes ocorridos com mães gestantes e bebês no Hospital Dom Malan/IMIP, em Petrolina. A comissão esteve reunida no final do mês de junho onde ouviu os depoimentos do superintendente do Hospital Dom Malan/IMIP, também Elisangela Costa Araujo, mãe do garoto Davi que faleceu em 2015; Maria de Fátima Milhomes avó de bebês mortos em 2017; Enileide Souza Carvalho, mãe da jovem Milian Carvalho da Silva.

A previsão para a comissão concluir os trabalho é 10 de agosto.  A comissão é formada pelos vereadores Gabriel Menezes (PSL), Paulo Valgueiro (MDB), Rodrigo Araújo (PSC) e Ronaldo Silva (PSDB).

 

Fonte: Geraldo José