Policia Militar usa rifle para realizar vários assaltos e acaba preso no Piauí

Um cabo da Polícia Militar do Piauí, identificado como Rogaciano Gonçalves de Oliveira, foi preso na madrugada deste sábado (25) suspeito de ser o autor de pelo menos três assaltos na região de Água Branca e Agricolândia. Nos três assaltos, o militar assaltante agiu da mesma forma.

O primeiro assalto aconteceu num comércio do seu Genivaldo no Povoado Iscas, entre os municípios de São Pedro e Água Branca, onde ele chegou e anunciou um assalto portando uma espingarda e uma carabina. De lá, ele foi até a cidade de Agricolândia, parou num local de venda de arrumadinho, pediu um espetinho e uma cerveja, mas quando os outros clientes saíram, ele se levantou e invadiu a residência anunciando o assalto. Por fim, ele foi há um estabelecimento comercial na PI entre Estaca Zero e Agricolândia, e também realizava um assalto quando um cliente percebeu que a espingarda utilizada por ele era de pressão e resolveu reagir, conseguindo reagir e o suspeito fugiu no veículo Fiat Palio, de cor vermelha, placa de Angical, que ele utilizou para cometer os crimes.

Desde o primeiro assalto, viaturas da PM já faziam busca ao suspeito e diante das informações da vítima e placa do veículo, os militares chegaram até a casa do cabo Rogaciano que mora na cidade de Água Branca. Os militares estranharam a ação do colega militar que agiu sozinho e extrema frieza nos crimes. Ele foi preso e levado para o presídio militar em Teresina (PI).

O cabo Rogaciano é lotado no Grupamento da Polícia Militar (GPM) de Palmeirais (PI), mas já foi lotado nos batalhão de Agricolândia (PI) e, por isso, chegou a ser reconhecido em um dos locais que cometeu o crime. Ao ser preso, o militar suspeito de cometer os assaltos parecia ainda estar embriagado.

Fala Piauí

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *