I Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente debate soluções para pensar o futuro das novas gerações de Campo Alegre de Lourdes

I Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente debate soluções para pensar o futuro das novas gerações de Campo Alegre de Lourdes

6 de maio de 2015 0 Por Por Lucas Nunes

A (23)A infância e a adolescência são períodos decisivos na formação do caráter do ser humano. Sociedade, família e Governo desempenham um papel determinante nessa construção e precisam estar em sintonia para que o exerçam de forma completa e positiva.

O Conselho Municipal da Criança e do Adolescente (CMDCA) é o órgão responsável por fazer estudos e apresentar diagnósticos sobre a realidade em que se encontram as crianças e adolescentes do município de Campo Alegre de Lourdes, Bahia. O objetivo do órgão é colaborar com o desenvolvimento de políticas públicas que assegurem os direitos das mesmas.

A 1ªconferência que teve como tema: “Política e Plano Decenal dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes – Fortalecendoa rede de Conselho” e foi discutido os novos conceitos que exigem mudanças de paradigmas. “É necessário dialogar sempre sobre a realidade das crianças e adolescentes que vivem em nosso município. Através dessa aproximação com as pessoas envolvidas diretamente no atendimento desses jovens, podemos tomar conhecimento de suas necessidades para colaborar na criação de políticas públicas que assegurem os seus direitos”, explica Ana Maria Rubem, presidente do CMDCA do município de Campo Alegre de Lourdes.

Com um olhar lançado nas novas gerações, o palestrante e membro do CECA – Conselho Estadual dos Direitos da Criança e Adolescente, Antônio Marcos dos Santos, buscou dialogar buscando maneiras de fortalecer os conselhos que regem os direitos da criança e do adolescente, para garantir a implantação e real efetivo desses objetivos, visando educar e assistir as crianças e adolescentes de maneira integral e emancipatória de acordo com o ciclo de desenvolvimento de cada um. “As famílias precisam dialogar com frequência e os pais precisam participar mais da vida dos filhos. Além de garantir os diretos dessas crianças e adolescentes, é preciso também exigir os deveres, as responsabilidades”, ressaltou Antônio Marcos.

Participaram do evento, realizado, nos dias 05 e 06 no auditório da Biblioteca Municipal Raimundo Dias Viana, os profissionais ligados ao atendimento direto de crianças e adolescentes do município. O encontro serviu para que, professores, psicólogos, assistentes sociais levantassem no debate ideias, em conformidade com a realidade dos jovens que atendem, para que sejam avaliadas entre todo o grupo envolvido para que sejam possivelmente encaminhadas.

s sugestões de políticas públicas, levantadas em âmbito municipal, serão levadas para as conferências regional e estadual, respectivamente. A conferência regional não tem data prevista para acontecer, já a estadual ocorrerá nos dias 27 e 28 de agosto.

A Primeira Conferência dos Direitos da Criança e do Adolescente, pelos conselhos, para que sejam avaliados os encaminhamentos das políticas já solicitadas e elaborar outras atualizadas com a realidade, para possível implantação das mesmas.  “Todo Governo Municipal que atua levando em conta o futuro das novas gerações está sintonizado com a realidade de uma cidade. Hoje nós vivemos uma dura realidade ao ver crianças e adolescentes envolvidos com o tráfico de drogas e a criminalidade em geral. Essa mesma realidade nos faz refletir na busca por soluções efetivas para as consequências que a vida do crime traz para as famílias e toda sociedade. Acredito que só através da educação podemos fazer a transformação desses jovens. O comprometimento com a inclusão social da atual gestão é fundamental para que isso aconteça”, comenta o prefeito Márcio Búrigo, que esteve presente da conferência.

A (19)

Antônio Marcos dos Santos – Membro do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e Adolescente

A (10)

Ladiane Lacerda – Vice Presidente do CMDCA

A (7)

José Dias de Macêdo Junior _ Procurador do Município

A (9)

Ana Maria Rubem de Macêdo – Presidente do CMDCA

A (8)

José dos Santos – Assessor Jurídico do Município

A (5)

Maria Ilma de Lacerda – Secretária de Assistência Social

A (23) A (22) A (21) A (20) A (18) A (16) A (17) A (12) A (13) A (2) A (3) A (6) A (1) A (15)

Ascom/CMDCA