Prefeito de Pilão Arcado é afastados do cargo, PF cumpre mandado de afastamento

A Polícia Federal, com o apoio da Controladoria-Geral da União, deflagra na manhã desta terça-feira (21), a Operação Offerus, com o objetivo de desarticular um esquema criminoso de fraude a licitações, superfaturamento, desvio de recursos públicos, corrupção ativa e passiva e lavagem de ativos envolvendo a contratação do serviço de transporte escolar nos municípios de Alagoinhas, Casa Nova, Conde, Ipirá, Jequié e Pilão Arcado, todos na Bahia. A PF cumpre mandados de afastamento do cargo de prefeito em Pilão Arcado (Afonso Mangueira, do PP) e Ipirá (Marcelo Brandão, do DEM).

Cerca de 90 policiais federais cumprem 19 mandados de busca e apreensão em órgãos públicos, empresas e nas residências dos envolvidos no esquema, além de um mandado de prisão preventiva. Dezoito auditores federais de controle, da CGU, também participam das diligências.

Fonte: Bahia Notícias




Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous post Ex-prefeito de São R. Nonato é condenado ao pagamento de R$ 1 milhão além da suspensão dos direitos políticos
Next post Policia Federal vasculha casa do prefeito e Prefeitura de Pilão Arcado; na ação, justiça determina afastamento de gestor